Causas da deficiência auditiva em crianças

A deficiência auditiva é a perda em partes ou totalmente das possibilidades auditivas sonoras. Vamos entender agora o que acontece!

Os pais devem ficar atentos em relação à perda auditiva em crianças. Infelizmente, existem muitas crianças com essa deficiência e precisam fazer uso da amplificação, acompanhamento médico, fonoaudiológico e outros profissionais da área. Antes de tudo, vamos saber mais sobre as causas da deficiência auditiva em crianças.

Sobre a deficiência auditiva

A deficiência auditiva é a perda em partes ou totalmente das possibilidades auditivas sonoras, lembrando que ela existe em graus e níveis diferenciados.

Causas da deficiência auditiva em crianças

Causas da deficiência em crianças

São diversos fatores que causam a deficiência auditiva nas crianças. Entre as principais causas estão a gravidez de alto risco, ingestão de medicamentos, doenças infecciosas, bem como o uso drogas e álcool. Lembrando que, por mais que seja comum, a hereditariedade e meningite durante a infância também pode possibilitar a deficiência.

Sintomas

A deficiência auditiva infantil apresenta vários sintomas e ainda podem ser sentidos em diferentes graus. Entretanto, existem sintomas comuns que devem ser analisados, como:

Se a fala da criança parece estar atrasada ou inadequada em relação à sua idade;

Se a criança apresenta problemas em entender corretamente a fala;

Caso não haja reação a sons altos ou se ela dorme durante eles;

Se a criança tem dificuldade em imitar sons;

Se a criança é incapaz de localizar a fonte de um som;

Se ela teve infecções de orelha frequentes.

Tipos de deficiência auditiva em crianças

Causas da deficiência auditiva em crianças


Deficiência auditiva neurossensorial

Essa é a mais comum! Ela se inicia na orelha interna ou ao longo das vias neurais. Normalmente, o problema acontece na orelha interna, mais conhecida como cóclea. Neste caso, as células ciliadas da cóclea são rompidas e não conseguem enviar impulsos elétricos ao cérebro. Vale lembrar que a deficiência auditiva neurossensorial pode ser de nascimento ou após esse período.

 Deficiência auditiva condutiva

Essa deficiência acontece quando o ouvido externo ou médio sofre uma lesão ou não funciona normalmente. Logo, os sons não são passados ao ouvido interno. Em caso de disfunção temporária, é possível cuidar da deficiência com cirurgia ou medicação.

Deficiência auditiva mista

Neste caso, chamamos de deficiência auditiva mista quando as medidas de condução aérea e óssea são maiores a 20 dBNA e a diferença entre elas ultrapassa 15dB. Essa deve ser tratada de acordo com a severidade, estruturas anatômicas e outros fatores. Por causa disso, todas as resoluções ditas nas demais deficiências podem ser aplicadas.

Agora que já sabe tudo sobre esse assunto, preste atenção nas crianças. Compartilhe!


Comentários

Artigos em Fonoaudiologia

Técnicas para aquecer a voz antes de apresentações Técnicas para aquecer a voz antes de apresentações

É fundamental uma série de preparações para não fazer feio, com sua voz.

Como funciona um aparelho auditivo Como funciona um aparelho auditivo

O aparelho auditivo é um dispositivo eletrônico que tem a essencial função de...

O que é fonoaudiologia Home Care? O que é fonoaudiologia Home Care?

O fonoaudiólogo Home Care deve estar sempre atento ao rendimento do...

Como funciona a audiologia infantil Como funciona a audiologia infantil

A audiologia infantil pode ser feita por meio de diversos procedimentos,...