Terceirização do trabalho

Terceirização do trabalho é quando uma empresa contrata outra para a prestação de um determinado serviço. Vamos entender mais?

Terceirização do trabalho

Entende-se por terceirização do trabalho quando uma empresa contrata outra para a prestação de um determinado serviço. Esse meio de prestação de serviço tem se estendido no mundo todo, e o motivo de seu sucesso é a diminuição de custos com funcionários. No Brasil, a terceirização, apesar de ser permitida, ainda é restrita, porém discute-se a possibilidade de abertura para todas as áreas produtivas de uma empresa. Muito se tem abordado nos meios de comunicação e redes sociais no geral sobre esse assunto, que pode ser um possível tema do Enem quanto um projeto de lei em aberto.

Terceirização do trabalho

Em que consiste a terceirização na prática?

Supondo que uma empresa multinacional demita todos os seus funcionários que atuam na área da limpeza e contrate outra que só atua nessa área, ela não terá que pagar um salário para cada funcionário individualmente e sim um salário só para a empresa terceirizada.

Atividades-meio e atividades-fim

No Brasil, somente as atividades-meio são permitidas, mas algumas empresas pensam em elevar as coisas para o nível das atividades-fim. Para exemplificar, usemos, portanto, o exemplo de um hospital. Os profissionais diretamente ligados à funcionalidade do hospital, tais como médicos, enfermeiros, diretores, técnicos de enfermagem, etc produzem as atividades-fim. Já os demais, como auxiliares de limpeza, seguranças, cozinheiros etc produzem as atividade-meio.

O que gira em torno à discussão sobre a terceirização   

O tema que se discute no Congresso Nacional é sobre a liberação ou não da terceirização integral, na qual uma empresa só terceirizaria também as funções das atividades-fim. A proposta não só foi votada como também aprovada no dia 07 de abril, com 324 votos de deputados a favor, 137 contra e 2 abstenções. O projeto agora seguirá para o Senado. Se por um lado seria frutífero ter uma empresa especializada em determinada função e, por consequência, mais eficiente, por outro. Estado poderia também terceirizar cargos públicos, o que culminaria no fim das vagas para concursos públicos. Aqueles que se posicionam contra a terceirização afirmam que os maiores prejudicados seriam os trabalhadores, pois receberiam menos tendo que trabalhar mais, por consequência. A possibilidade de negociações com patrões e diretores ficaria comprometida também. Já os favoráveis, afirmam que a terceirização total é necessária para a regulamentação da prática no Brasil e ampliaria a competitividade entre empresas, aumentando, desse modo, o lucro das mesmas.

Terceirização do trabalho

Grupos assumidamente contra ou a favor

Os grupos de esquerda que defendem o trabalhador posicionam-se contra a PL 4330, como é chamado o projeto de lei da terceirização, assim como centros sindicais, com exceção da Força Sindical que é a favor. Pequenos grupos de direita, embora em minoria, também se posicionam contra. O governo federal também não é favorável a PL 4330, de modo que a tendência é que a presidenta Dilma Rousseff vete o projeto. Já os partidos DEM, PMDB, PP, PSB, PR, PROS, SD, PSD, PSDB e outros são favoráveis, apesar do PSDB ter recuado com a repercussão e polêmica do tema. PT, PC do B e PSOL também são contra.

Este tema é muito atual e também deve ser estudado para o ENEM. Confira no site do iPED outros assuntos importantes que também podem cair no vestibular. AQUI.


Comentários

Mais Artigos de Cursinho ENEM

Qual a origem do Dia dos Pais? Qual a origem do Dia dos Pais?

Muitas pessoas comemoram esta data que sempre cai no segundo domingo do mês...

Segredos revelados da leitura dinâmica Segredos revelados da leitura dinâmica

Leitura dinâmica consiste em determinado conjunto de técnicas que facilitam o...

Principais vestibulares do Brasil Principais vestibulares do Brasil

Todo o ano, milhares de pessoas por toda parte do Brasil prestam...

Feminismo Feminismo

O feminismo é um movimento social. Vamos saber mais agora?